Você > Notícias > Correios define com CBDA melhorias na entidade para manutenção do patrocínio

Correios define com CBDA melhorias na entidade para manutenção do patrocínio

Brasília, 6/7/2017 - Nesta quarta-feira (5) foi realizada a primeira reunião dos Correios com a nova direção da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos - CBDA. Na reunião foram tratadas as melhorias já realizadas na entidade desde a posse da nova diretoria. O presidente dos Correios, Guilherme Campos, apresentou a decisão da empresa pela manutenção do contrato. “Acordamos com o presidente da CBDA a apresentação, no prazo máximo de 90 dias, de um projeto para implantação de melhorias de controle e políticas de governança, bem como de redução das despesas administrativas. Queremos garantir que nosso investimento trará ainda mais retornos para os Correios e os atletas da modalidade”, afirmou o dirigente.

Como resposta, o novo presidente da confederação, Miguel Cagnoni, declarou que seu objetivo à frente da confederação é continuar fazendo com que os Correios mantenham o apoio à entidade. “Nosso compromisso é fazer uma gestão transparente. Queremos que os Correios tenham orgulho em patrocinar os desportos aquáticos brasileiros”.

Em abril deste ano, os Correios iniciaram processo administrativo interno para decidir pela continuidade ou não do patrocínio à CBDA. Como patrocinadora dos desportos aquáticos desde 1991, a empresa decidiu manter o investimento, considerando seu compromisso com o desenvolvimento do esporte nacional.

Mais que um patrocínio – Além de investir em atletas de ponta, o patrocínio dos Correios também beneficia as bases das modalidades, empregados e crianças em situação de vulnerabilidade. O Campeonato Nacional de Natação dos Correios visa auxiliar na manutenção do clima organizacional, no envolvimento dos familiares e empregados em atividades promovidas pela empresa, bem como na visibilidade do patrocínio esportivo junto ao público interno. Além disso, três projetos garantem a assistência social, educativa e esportiva de mais de 1000 crianças de escolas públicas, fomentando a prática do esporte e garantindo a inserção social de jovens que moram em áreas de risco.